Pular para o conteúdo
Receba nossas notícias em seu e-mail:
Search
Close this search box.

Programa Desenrola Brasil: entenda o que é e como funciona

Quer saber mais como esse programa funciona? Continue lendo o nosso artigo e saiba tudo sobre o Desenrola Brasil.

O governo federal fez o lançamento, nesta semana, da primeira fase do programa Desenrola Brasil, criado para estimular renegociação de dívidas de pessoas físicas. 

Para a execução do programa, o governo federal conta com parceria com instituições financeiras, por meio da Medida Provisória nº 1.176/2023.

Continue lendo o nosso artigo e entenda tudo sobre o programa Desenrola Brasil. 

O que é o Programa Desenrola Brasil?

O Desenrola Brasil é um criado pelo Governo Federal, voltada para a renegociação de dívidas de pessoas físicas. 

A proposta do programa é estimular a renegociação de débitos das pessoas inscritas em cadastros de inadimplentes e com o nome negativado, simplificar a negociação entre credores e endividados, além de facilitar o retorno dos consumidores ao mercado de crédito.

Como serão as etapas do programa Desenrola Brasil?

Na primeira etapa do programa, serão contemplados aqueles que possuem dívidas bancárias e renda mensal bruta de até R$ 20 mil, sendo opcional para os bancos decidirem participar.

A segunda fase do programa, que deve ocorrer em setembro deste ano, será a mais ampla e será destinado àqueles que tem rendimento até de dois salários mínimos (R$ 2.640) ou aqueles que estão inscritos no CadÚnico, beneficiários do Bolsa Família e outras bolsas de cadastro único do programa social. 

Nessa etapa, as pessoas poderão limpar seu nome, possibilitando vantagens como parcelamento de compras, empréstimos, créditos e novos contratos de locação.

Na segunda fase, destinada às pessoas com renda de até R$ 20 mil, qualquer valor de dívida vencida pode ser consultado junto à instituição financeira para verificar a inscrição no Desenrola. 

Lembrando que cada banco pode decidir se deseja aderir ou não ao programa. Além disso, vale ressaltar que somente dívidas contraídas entre 2019 e 31 de dezembro de 2022 são renegociáveis, excluindo dívidas em serviços públicos ou lojas.

Qual o período para renegociação?

As renegociações serão aceitas até 30 de dezembro de 2023. Os bancos participantes também limparão automaticamente os nomes das pessoas com dívidas de até R$100, beneficiando aproximadamente 1,5 milhão de pessoas. 

No entanto, a Federação Brasileira de Bancos ressalta que não se trata de perdão de dívidas, e os devedores devem procurar a instituição financeira para renegociar. Caso contrário, seus nomes voltarão a ficar negativados no futuro.

A próxima fase, prevista para setembro, será direcionada à classe 1, que inclui trabalhadores que recebem até dois salários mínimos (R$ 2.640) ou são inscritos no CadÚnico. 

Nessa etapa, será permitida a renegociação de dívidas de até 5 mil reais, abrangendo não apenas dívidas bancárias, mas também outras, como energia, internet e telefone.

Para garantir o funcionamento adequado da plataforma de renegociação, o governo está desenvolvendo um aplicativo específico para devedores e instituições financeiras. 

Quais as taxas serão oferecidas na renegociação?

Em relação às taxas oferecidas na renegociação, para a faixa de renda até R$ 20.000 (nível 2), não há limite máximo para as taxas de juros que os bancos podem oferecer, desde que a dívida seja paga em pelo menos 12 parcelas. 

Para incentivar descontos maiores, o governo fornecerá créditos fiscais, reduzindo os impostos pagos pelas empresas. 

Já na faixa 1, com renda não superior a 2 salários mínimos, as dívidas serão renegociadas com juros máximos de 1,99% ao mês, permitindo parcelamento em até 60 vezes, com valor mínimo de 50 reais cada.

Para participar do programa, os interessados devem se inscrever no portal do governo federal GOV.BR, utilizando o CPF e seguindo as instruções. 

O cadastro também pode ser realizado presencialmente nas agências do INSS, onde será possível obter a certificação nível “Prata” ou “Ouro”.

Gostou do artigo? Então, continue acompanhando o nosso blog, pois trazemos dicas sobre as áreas de RH, Departamento Pessoal e Contabilidade, processos relacionados ao eSocial, além de novidades e as últimas notícias do setor.

Clique aqui e conheça todos os cursos disponíveis no Nithflix por apenas R$39,90 por mês/ plano anual

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale com a Nith
Olá, como podemos te ajudar?
x