Pular para o conteúdo
Receba nossas notícias em seu e-mail:
Search
Close this search box.

Pagamento da Restituição do Imposto de Renda inicia nesta sexta-feira (31); confira os beneficiados.

Confira as datas da Restituição do Imposto de renda e saiba como consultar!
imposto-de-renda-2023_1200x675__IR-8

A Receita Federal inicia o pagamento do primeiro lote de restituições do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2024 nesta sexta-feira (31), que também é o prazo final para a entrega da declaração.

Este lote inicial atende mais de 5,5 milhões de contribuintes, somando um total de R$ 9,5 bilhões, o maior valor já registrado em uma restituição do IRPF.

Do montante total de R$ 9,5 bilhões, aproximadamente R$ 8,9 bilhões são destinados a contribuintes prioritários, entre eles:

– 258.877 idosos acima de 80 anos;

– 2.595.933 contribuintes entre 60 e 79 anos;

– 162.902 pessoas com deficiência física, mental ou com moléstia grave;

– 1.105.772 profissionais cuja maior fonte de renda seja o magistério;

– 787.747 contribuintes que optaram pela declaração pré-preenchida ou pelo recebimento da restituição via PIX.

Prioridade para os colaboradores do Rio Grande do Sul

Devido ao estado de calamidade decretado no Rio Grande do Sul, os contribuintes desse estado também receberam prioridade.

Serão restituídas 886.260 declarações de residentes no RS, totalizando mais de R$ 1 bilhão, incluindo declarações de anos anteriores.

Esses contribuintes foram colocados na faixa de preferência após as prioridades legais e antes dos que optaram pelo pagamento via PIX e pela declaração pré-preenchida.

Lotes das restituições do IRPF de 2024

As restituições do IRPF 2024 serão feitas em cinco lotes:

– 1º lote: 31 de maio;

– 2º lote: 28 de junho;

– 3º lote: 31 de julho;

– 4º lote: 30 de agosto;

– 5º lote: 30 de setembro.

Como fazer a consulta da Reinstituição

Para verificar a disponibilidade da restituição, o contribuinte deve acessar o site da Receita Federal, clicar em “Meu Imposto de Renda” e depois em “Consultar Restituição”.

A consulta pode ser simplificada ou completa, utilizando o extrato de processamento acessado no e-CAC. Se houver alguma pendência na declaração, é possível corrigi-la para regularizar a situação.


A Receita Federal oferece um aplicativo para tablets e smartphones que permite aos contribuintes consultar informações sobre a liberação das restituições e verificar a situação cadastral do CPF diretamente nas bases da Receita.

Gostou do artigo? Compartilhe com seus amigos e colegas!

Quer conversar com a NITH e saber mais sobre nossas formações e treinamentos? 

Deixe um comentário abaixo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale com a Nith
Olá, como podemos te ajudar?
x