Giro Nith #93 – INSS: assinado acordo para iniciar projeto-piloto de perícia médica com uso da telemedicina

Projeto-piloto do INSS será realizado até 13 de abril em 10 municípios brasileiros.
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
inss
 1. INSS: assinado acordo para iniciar projeto-piloto de perícia médica com uso da telemedicina

No período de 13 de janeiro a 13 de abril de 2022, entidades parceiras do INSS vão poder disponibilizar, como experiência-piloto, perícias médicas remotas, por meio da telemedicina, em prefeituras municipais que possuem Acordo de Cooperação Técnica (ACT) com o Instituto. 

Inscreva-se agora no Minicurso Gratuito SST no eSocial, totalmente ao vivo e sem replay

A medida cumpre decisão do TCU quanto ao enfrentamento da pandemia e está formalizada pela Portaria 1.404, publicada hoje (13), no Diário Oficial da União.

O termo de intenção do Acordo de Cooperação Técnica junto ao projeto-piloto de perícia médica remota foi assinado na manhã desta quinta-feira (13) pelo ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni, pelo presidente do INSS, José Carlos Oliveira, e pelos representantes dos municípios participantes da experiência-piloto, em Brasília (DF).

De acordo com Oliveira, a ideia é expandir o atendimento com uso da telemedicina para todo o país, além de fortalecer a perícia médica com a tecnologia. 

Em sua fala, o ministro Onyx Lorenzoni complementou que a inovação também vai contribuir para compensar a perda de 10 mil colegas do INSS que se aposentaram nos últimos três anos e não foram repostos.

Ao lembrar que hoje a telemedicina é uma realidade, destacou ainda que a tecnologia traz para os quase 4 mil peritos o desafio de aprimorar métodos e sistemas, ao mesmo tempo que possibilita que esses profissionais possam se multiplicar para realizar atendimentos a quilômetros de distância.

A Perícia Médica com Uso de Teleavaliação (PMUT) será realizada em dez (10) prefeituras municipais: Francisco Morato/SP; Minas Novas/MG; Vassouras/RJ; Santo Augusto/RS; Olhos D’Água das Flores/AL; Corrente/PI; Pedro Gomes/MS; Ji Paraná/RO; Lábrea/AM e Brotas de Macaúbas/BA.

Participaram também da cerimônia de assinatura do termo o presidente da Dataprev, Gustavo Canuto, o Secretário-Executivo do Ministério do Trabalho e Previdência Adjunto, Ricardo de Souza Moreira, e o Secretário de Previdência, Leonardo Rolim, além dos deputados federais Átila Lins (PP/AM) e o Silas Câmara (Republicanos/AM).

Com informações: INSS

2. Meu INSS teve quase 430 milhões de visitas em 2021

Responsável pelo pagamento de mais de 36 milhões de benefícios, o que totalizou R$757 bilhões em 2021, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) tem investido cada vez mais na modernização dos seus serviços.

O Meu INSS pode ser acessado pela internet ou por aplicativo para celular e disponibiliza ao cidadão 95% dos serviços oferecidos pelo instituto.

No ano passado, o Meu INSS registrou 429.480.478 acessos. A assistente virtual orientou 23.514.294 cidadãos sobre como usar a plataforma.

Para os que não possuem meios para acessar a central de serviços, ou que têm dúvidas na sua utilização, o instituto criou, no final de 2021, o autoatendimento orientado que é realizado nas Agências da Previdência Social (APS).

Por meio do telefone 135, o cidadão também tem acesso a alguns serviços, pode tirar dúvidas e solicitar agendamentos. 

Apesar de os serviços poderem ser acessados por meio remoto, o segurado também tem a opção de agendar um atendimento presencial. 

Fonte: Ministério do Trabalho e Previdência

Inscreva-se agora no Minicurso Gratuito SST no eSocial, totalmente ao vivo e sem replay

Outro artigo de interesse: https://nith.com.br/inss-teto-aposentadoria-sobe-para-7087-reais/

Quer continuar tendo acesso a conteúdos práticos e atualizados, notícias, e lives exclusivas? Então continue acompanhando Nith, empresa referência na área trabalhista, contábil, fiscal, previdenciária e em eSocial, nos principais canais de comunicação: Youtube, Instagram e Facebook

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.